quinta-feira, 30 de setembro de 2010

ÃnderLINE ou PONTO? por que usar baboseiras importadas?



Você sabia que dizer underline indicando o traço que se usa em endereços de e-mail ou em nomes de arquivos é incorreto?
O certo é dizer underscore. Underline significa sublinhar, realçar, ou seja fazer uma linha em baixo da palavra ou frase.
Então o certo seria dizer: Underscore, por exemplo : edson_camara “edson UNDERSCORE camara”.

Mas por que não usar ponto? Por exemplo edson.camara, “edson PONTO camara”. É menos fresco e mais claro e objetivo do que dizer ÃnderLINE.
O nosso português é tão bonito e tão rico, nós não precisamos e nem queremos esta mania  de “INGLESAR” ou “ESTRANGEIRIZAR” nossa língua com estas baboseiras importadas. Fico irritado quando participo de alguma reunião onde as pessoas começam a falar coisas como “linkar” ou “startar”, bom existem várias idiotices como estas, mas não me vem a cabeça no momento.
O pior é quando aliado ao estrangeirismo vem o, ECA! gerundismo, aí o   tratamento de choque é completo.
“VOU ESTAR LINKANDO E STARTANDO O PROJETO! ECA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Dói na alma!

Não me entendam mal, não sou contra a utilização de termos técnicos em outro idioma, por exemplo, não imagino ninguém dizendo que vai instalar a “ferramenta mole” na “ferramenta dura”, soa até meio esquisito. Então não acho errado usar os termos software e hardware.
Mas usar termos estrangeiros sem a mínima necessidade a não ser a de “aparecer” como por exemplo dizer que: “o livro que procurava está “sold out” ou “by the way” acho melhor rever este relatório?” É o cumulo da idiotice, ao menos para mim. Por que não dizer “ESGOTADO” ou “ALIÀS”? Lembram do “GROUNDEADO”???? É pior ainda, por que “aportuguesou” uma palavra inglesa.

Posso passar por chato, mas seja lá quem for, se pronunciar uma “babaquice” destas na minha frente será corrigido não importa o momento.
Meus amigos, falar corretamente o português é obrigação de todos que nasceram com este idioma como língua pátria. Brasileiros falam portugues e não “portuninglish”. Estou certo?

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Como evitar “erros” e gafes nos seus e-mails

Você certamente já ouviu falar em NETIQUETA, são regrinhas básicas para escrever e-mails. Veja abaixo algumas dicas úteis para escrever e-mails que garimpei pela internet:
Ser informal não significa ser descuidado. Se seus colegas usam Blackberries, iphones ou outros aparelhinhos para se comunicar internamente é até normal usar a linguagem abreviada (que eu detesto). Mas ao se comunicar com outras pessoas, principalmente em caráter profissional, é bom usar o protocolo padrão da escrita. Lembre-se que seu e-mail envia uma mensagem sobre você e sua empresa, então ter cuidado com a ortografia, a gramática e as regras de pontuação é necessário.

Seja breve e objetivo. Só porque a sua escrita está correta, não significa que tem que ser interminável. Seja conciso, vá direto ao ponto e concentre um assunto por mensagem. Eu pessoalmente tenho uma regra, meus e-mails normalmente podem ser lidos sem usar a seta de rolagem da tela para baixo.

NUNCA USE TODAS AS LETRAS EM MAIUSCULO, pois parecerá que você está GRITANDO. Além de demonstrar preguiça. *Se precisar enfatizar algo*, use o asterisco para destacar as palavras. Ou o negrito. Além disso, não use muitas cores ou elementos gráficos no corpo de seus e-mails, pois nem todo mundo usa um programa que lê e-mail em HTML.

Não utilize o recurso CCO para evitar que outras pessoas vejam quem você copiou, se precisar copiar alguém diretamente use o CC. Não responda para todos ao responder um e-mail com uma lista enorme de copiados. Seja cauteloso no uso do CC só copie as pessoas se elas estiverem diretamente envolvidas no processo.

Não use e-mail como uma desculpa para não se comunicar. O e-mail não deve nunca substituir um telefonema ou uma conversa pessoal. O e-mail é útil para reforçar a mensagem, mas conversar é fundamental. Pense em quantas vezes você já ouviu alguém dizer: "Bom, eu te mandei um e-mail." ao perder um prazo ou uma reunião importante.

O e-mail não é adequado para resolver problemas de relacionamento, seja pessoal ou profissional. Se você tem um problema com alguém, Levante-se e caminhe até esta pessoa e tenha uma boa conversa com ela. Se isto não for possível, use o telefone.

Nunca use o e-mail para evitar uma situação desconfortável ou para encobrir um erro. Lembre-se que e-mail não tem “tom de voz”. Palvras ditas em hora errada tem um efeito arrasador, imagine então palavras escritas!

Também não envie e-mail com anexos, só em caso de necessidade e pré negociado com quem vai receber. E nunca, nuca mesmo, divulgue “coisas” inadequadas através do e-mail, principalmente do seu e-mail de trabalho.

SE você tem alguma dica sobre NETIQUETA, por favor, me envie para podermos aumentar os nossos conhecimentos.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Como baixar vídeos do YouTube, do jeito fácil

Quer copiar um vídeo do YouTube para o seu HD sem precisar de nenhum programinha extra? Já precisou extrair apenas o áudio de um filme do site e não sabia como fazer? Então veja como é possível fazer isso usando apenas o seu browser.
Às vezes, com motivos até aparentes, vídeos são sumariamente deletados do YouTube e você pode nunca mais vê-los. Isso, a menos que você faça backup deles e guarde o conteúdo no aconchego do seu disco rígido. Para tanto, existem pencas de programinhas como o YouTube Downloader, o VDownloader e o DeskTube.
Mas, dá para fazer a coisa de um jeito muito mais fácil. No próprio navegador, não importando qual deles, basta alterar a URL do vídeo que está em exibição. Se você apenas quiser baixar o arquivo para backup substitua o ‘Y’ do youtube.com por um número ‘3’. O que era http://www.youtube.com/watch?v=PS_cCBkP2Jo vira http://www.3outube.com/watch?v=PS_cCBkP2Jo.
Pronto, o browser vai ser redirecionado para uma página que pergunta se você quer baixar o vídeo em MP4 ou em Flash (FLV). Daí é só clicar e baixar. Simples assim.
Outra opção que funciona com essa mesma pegada é o KickYouTube. Experimente adicionar a palavra ‘kick’ na frente de ‘youtube’ na URL de qualquer vídeo. A página será recarregada com a adição de uma barra de ferramentas que traz opções para baixar o conteúdo em formato MP4, FLV, FLV de alta definição, 3GP (para celular), nas resoluções específicas do iPhone e do PSP e até em GIF animado!
Outro recurso útil do KickYouTube é capturar apenas o áudio do vídeo, salvando o conteúdo em MP3. Assim, você pode transformar o portal de vídeos em ferramenta para baixar música.
Texto de Juliano Barreto editor da INFO e técnico em informática. Trabalhou na redação das extintas revistas Geek e H4cker e foi repórter da Folha de S.Paulo.
fonte da Foto: http://www.flickr.com/photos/aldoaldoz/

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Regras dos “porque, porquê, por que e por quê”, em português

mar 20th, 2008 by Adriano. http://diaquente.com



Português é uma das línguas mais complicadas do mundo, tire suas dúvidas sobre a colocação e todas as variações dos “Porquês” nas frases:


Por que - utiliza-se quando se faz uma pergunta.
Ex: Por que você não leu a revista?

Por quê - utiliza-se numa pergunta quando o por quê fica no final da frase.
Ex: Você foi embora por quê?

Porque – quando se explica alguma coisa.
Ex: Eu estou perguntando isto, porque eu não sei.

Porquê – quando funciona como um substantivo.
Ex: Eu quero saber o porquê das coisas.




ATUALIZAÇÃO: Muita gente está com dúvida nessa explicação, então resolvi colocar uma explicação mais detalhada, veja abaixo:


Porquê
Por ser um substantivo, só pode ser usado quando precedido de artigo definido (o, a, os, as), pronome adjetivo (meu, este, esse, aquele) ou numeral (um, dois, três)

Exemplos:
  • Não sei o porquê de tanta confusão com os porquês.
  • Este porquê é um substantivo.
  • Quantos porquês existem na Língua Portuguesa?
  • Existem quatro porquês.
Por quê
Sempre que aparecer no final de uma frase. Uma outra maneira de entender é lembrar que antes de pontuação, o quê recebe o acento.

Exemplos:
  • Por quê?
  • Você nem sabe por quê.
  • Você está rindo de quê?
Por que
Usamos a forma por que sempre que houver junção da preposição por com o pronome interrogativo que. Em outras palavras, pode-se dizer que por que é usando quando podemos trocá-lo por por qual razão, por qual motivo, pelo qual,pelos quais, por qual.

Exemplos:
  • Por que você quer saber?
  • Por que você quer ir lá?
  • Você nem sabe por que ela fez isso.
Porque
Usamos porque quando a expressão for uma explicação ou causa (pois, uma vez que).

Exemplos:
  • Não vim trabalhar porque estava doente.
  • Por que você estuda? Porque gosto de aprender.
  • Porque a vida não é fácil para ninguém.
fonte: blogarium http://www.blogarium.blogspot.com/
fonte da imagem:http://pensandodizendo.blogspot.com/

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Plágio de Post, é incrível – alguém me roubou este texto – Fanático em atender bem

Eu não sou maluco, disso tenho certeza, eu publiquei este texto não me recordo em que mês, não sei como mas um cidadão simplesmente o roubou de mim e colocou em uma página de slides que descobri pelo google. Sou novo neste negócio e não sei como proteger o meu trabalho. Se alguém lembra do texto abaixo, por favor, me avise, para que tenha certeza que não estou “pirando” Eu conheço meu estilo de escrever e não tenho duvidas que foi eu quem escreveu este texto.







FANÁTICO EM ATENDER BEM 
 
Seja Fanático para prestar um bom atendimento e tenha orgulho disso. Se todas as pessoas responsáveis em prestar serviço e atendimento ao publico fossem FANÁTICAS e fizessem  bem o seu trabalho, os clientes seriam mais bem tratados e as vendas aumentariam ainda mais.
Por que o atendimento "ruim" e o serviço "porco" é o que impera atualmente? Como os responsáveis pelas empresas que gastam milhões de reais em marketing e comunicação deixam os maus treinados funcionários destruírem a imagem da empresa na cara delas? É muito difícil, mas muito difícil mesmo encontrar gente boa pra trabalhar, não falo aqui do cara legal e sim do cara de qualidade que vai manter e melhorar inclusive a reputação do seu negócio.
 
Penso muito nisso, o tempo todo, me preocupo, por que eu mesmo sou responsável por uma montanha de atendimentos diários e nem sempre eles saem como devem ser. Andei fuçando por ai e encontrei umas dicas para repassar. Creio que o grande problema em treinar "gente boa" começa na contratação, então vamos ver alguns passos que eu acho que são infalíveis para verificar a qualidade dos seus candidatos:
Só devemos contratar pessoas que sabem SORRIR, este é fácil, se você também souber SORRIR!
Só devemos contratar pessoas que saibam se apresentar bem, se vestir e se cuidar fisicamente, não estou falando de beleza, e sim de saúde, boa aparência e atitude positiva. Este também é fácil.
Só devemos contratar pessoas que saibam se comunicar claramente, falar bem. Para este passo é só você saber ouvir

Você tem um candidato "gente boa"  
 
Só devemos contratar pessoas que tenham capacidade de promover/vender BEM nossa empresa e nossos produtos e serviços. Para testar isso, peça para o candidato lhe vender a caneta que você está usando, verifique o quão entusiasticamente ele falará das maravilhosas qualidades da caneta.
Se você conseguir chegar na etapa 4, Parabéns, você tem um candidato "gente boa", bem preparado e apresentável, que sabe falar e se comunicar bem e é um bom vendedor. Já é um bom começo.
Contratou, então TREINE a pessoa imediatamente, diga a ela exatamente o que você precisa que ela faça e o que você espera dela. Se você não consegue fazer isso não devia nem estar contratando ninguém. Concorda?
 
Acompanhe pessoalmente no inicio, o desempenho do seu novo contratado, verifique se ele e interage com seus clientes da mesma forma que interagiu com você. Isto NÃO É DELEGAVEL, você mesmo deve fazer isso.
Elogie o que ele faz bem e RE-TREINE o que ele faz mal.
Observe se ele cuida e trata bem o seu cliente, elogie novamente o que está bom, e treine novamente o que está ruim. Faça isso o tempo todo, lembre treinamento não acaba nunca. Se ele tratar mal o seu cliente, use o conceito de TOLERANCIA ZERO, tratar mal o cliente é INACEITAVEL e ponto final. É melhor perder um funcionário do que um cliente.
Manter um serviço e um atendimento BOM, depende de "gente boa" e"gente boa" a principio, só se consegue contratando e treinando bem.

Eu ainda acredito em Papai Noel!



domingo, 5 de setembro de 2010

PDF to Word Converter. Convert PDF to Word DOC or Excel XLS Online, Extract Images from PDF.

PDF to Word Converter. Convert PDF to Word DOC or Excel XLS Online, Extract Images from PDF.

O Brasil dos ingênuos

urna3

Em agosto bati meu próprio recorde, 13 dias viajando e 17 cidades visitadas. Em todos estes lugares encontrei uma coisa  marcante e comum acontecendo, A CAMPANHA EEITORAL, o ritmo e o gênero musical podem mudar, forró no norte/nordeste, musica sertaneja no centro oeste e samba no Rio do Janeiro, mas a mensagem de péssima qualidade e os “bordoezinhos” ridículos que entram em nossa cabeça como uma lavagem cerebral são os mesmos. Nossos compatriotas que concorrem por cargos eletivos não tem dó nem piedade dos pobres cidadãos que no final pagam toda esta conta de carros de som, panfletagem, cartazes, bandeiras, camisetas e pasmem os senhores, em pleno século XXI, na era dos Jetsons, O HORÁRIO POLÍTICO OBRIGATÓRIO NA TV E NO RÁDIO (Graças a Deus, temos a TV a cabo para fugir desta coisa).

chargeA impressão que tenho, e gostaria muito de estar errado, é a de que estes senhores e senhoras que brigam pelo nosso voto subestimam a inteligência e a honestidade do povo brasileiro. Eu não posso acreditar que diante do NADA que eles fazem e que realmente deve ser e é a obrigação dos governantes e legisladores, que é cuidar da saúde, educação e dos serviços básicos de infra-estrutura, as pessoas caiam na conversa do que eu fiz isso e fiz aquilo e vou fazer isso e vou fazer aquilo se eleito for.

Onde estão os hospitais, escolas, saneamento básico, estradas decentes, só pra iniciar e é melhor ficar por aqui? Se os mandatários atuais não o fizeram, por que teríamos que reelege-los novamente e também colocar outras figuras novas para não fazer também? Será que os “bolsa isso” e “bolsa aquilo” são suficientes para garantir o voto? Será que as mensagens do “Agora sim as coisas vão andar com fulano eleito” são suficientes para garantir o voto?vote1

Por que que quando eu vejo um politico ou pretendente a politico eu não consigo enxergar uma pessoa que realmente queira trabalhar para o bem do público? Eu sou ingênuo o suficiente para acreditar que o nosso pais, o verdadeiro Brasil é imune a politica e aos políticos. Estes (os políticos) são uma carga PESADÍSSIMA que temos que carregar, por que da forma como esta engrenagem foi montada não tem como desmontá-la sem a  boa vontade e a coragem de verdadeiros POLÍTICOS evidentemente.

A política existe e é necessária, por que sem politica não há democracia e nem governo, mas os nossos legisladores e governantes poderiam ir com menos sede ao próprio pote e cuidar mais dos brasileiros.

Escolha seu candidato, vote com confiança e acompanhe o trabalho dele, se ele não cumprir o que prometeu, o que é quase  101% certo, não vote mais nele, é a única coisa concreta que você pode fazer para ajudar o Brasil.

Entretanto, uma coisa boa aconteceu nos últimos tempos, graças ao poder judiciário, A LEI DA FICHA LIMPA. Que já está embora muito singelamente limpando a casa e expulsando alguns nomes que nunca deveriam ter entrado.